Embraer/Fiesp mantém proposta de rebaixamento de salário 

Acabou agora pouco a 5º reunião de negociação da campanha salarial do setor aeronáutico. A Fiesp/Embraer se mantém intransigente e continua com proposta de abono e 0% de reajuste salarial.

A proposta é de abono escalonado de acordo com o salário. Para quem ganha salário ate R$7.000,00 – abono no valor de R$7.000,00. Para quem tem salário acima de R$7.000,00 recebe abono no mesmo valor do salário com teto limite de R$9.000,00.

A data de pagamento do abono se mantéḿ para 31 de janeiro de 2017.

Na semana passada ocorreram assembleias com trabalhadores da Embraer/Eleb e a proposta de abono foi amplamente rejeitada pelos trabalhadores. Na assembleia os trabalhadores votaram para que o reajuste seja em percentual incorporado ao salário.

Os trabalhadores sabem que essa proposta significa rebaixamento de salário e direitos e não aceitam esse posicionamento mesquinho da empresa que recentemente pagou multa milionária em caso de corrupção.

O questionamento que todos fazem é que se a empresa tem dinheiro pra multa, também tem que ter para o aumento dos funcionários.

Como a nova proposta da Fiesp/Embraer não atende a reivindicação dos trabalhadores aprovada em assembleia, a proposta foi rejeitada na mesa de negociação.

 

Anúncios