Trabalhadores da Embraer de EGM engrossam campanha ‘Fora Todos’

2016-04-12 - Embraer EGM - Passeata Fora Todos - Tanda Melo (12)

Em uma semana decisiva para o futuro político do país, a Campanha “Fora Todos Eles e Eleições Gerais, já”, organizada pelo Sindicato, ganhou mais um reforço nesta terça-feira (12). Desta vez foram os trabalhadores da Embraer da planta de Eugênio de Melo que participaram de uma passeata contra o governo Dilma (PT), o vice Michel Temer (PMDB), o Congresso Nacional e a oposição de direita (PSDB, PMDB).

O protesto começou por volta das 5h30 e durou cerca de uma hora. Mais de 500 trabalhadores caminharam por cerca de um km até a portaria da Embraer. A passeata também contou com a participação dos trabalhadores da Heatcraft, que fica a poucos metros da fabricante de aviões.

Ao fim da caminhada, os manifestantes realizaram uma votação na qual aprovaram a adesão à campanha que exige a saída de todos os parlamentares, além da presidente e de seu vice.

“O povo não aguenta mais tanta palhaçada vinda do Palácio do Planalto e do Congresso Nacional. A oposição de direita, como o PSDB e PMDB, vende a imagem de defensora da moral, mas é tão suja quanto o governo petista. A população não tem opção a não ser reforçar, através da mobilização, a exigência: Fora Todos Eles e Eleições Gerais, já”, afirma o vice-presidente do Sindicato, Herbert Claros.

Pixulecos
A atividade também marcou a “estreia” do boneco inflável do vice-presidente Michel Temer (PMDB), que agora se soma aos da presidente Dilma e do senador Aécio Neves (PSDB) nas manifestações dos metalúrgicos. Os três políticos são representados cortando direitos do povo.

Com este ato já são doze as fábricas em que os metalúrgicos aprovaram a campanha: GM, Embraer, Avibras, Blue Tech, Chery, Hitachi, Deca, Rosa Maria Cioca, Latecoere, Parker Hannifin e Embraer Eugênio de Melo.

Anúncios